Sunday, November 05, 2006

Sabes que sim

Um intenso momento…um segundo intemporal…um pulso infinitesimal…aquela noite única brindada pelo suave gosto de uma gota vindo do céu … a Lua num intimo desejo deixou-se devorar pelo solo, as gotas beijaram num desejo carnal a terra no seu mais inculco ser, o vento gritou silenciosamente o quanto eu te desejo, o mar deixou à prostração as almas e eu desamarrei a minha alma da sua própria solidão… o meu corpo deixou de ser meu para ser o nosso… as batidas de uma alma… uma alma formada por dois corpos…eram puras e o seu vibrar louco e insano deixava um grado ao tacto dos meus lábios nos teus…, os olhos, teus olhos eram gotas de prata que brilhavam ao mais inocente toque… e eu segredava a tua alma num ritmo de um tango imaginário o amor ali transbordado… dança comigo gota de prata… deixa que o céu se envolva no manto das nuvens que nos beija os olhar… que o dia e a noite não se distingam pela luz… que o mar nos beije pés quando um raio de luz observar a nossa alma numa queda para se fundir no mais terno e carinhoso beijo meu… sim gota de prata… tu sabes que sim… sabes…que te amo…


E assim nos meus braços
Vejo o teu olhar adormecer,
E assim com a minha alma
Mostro a vontade de te querer.

6 Comments:

Anonymous Sandra Daniela said...

Lindo Bruno!

A fusão de duas almas é o cruzar do verdadeiro Amor!

um beijinho

2:36 PM  
Blogger sónia said...

..sei, meu amor...sei..

5:46 PM  
Blogger YIN&YANG said...

O amor que expressas no teu blog, não é mais do que a busca do equilibrio perfeito entre duas pessoas... tal como nos ensina a teoria de YIN&YANG.

Caso estejas interessado em conhecer resumidamente esta filosofia, entra no blog que partilho com a minha YIN e tens no cabeçalho 2 curtos paragrafos sobre o assunto!

felicidades

YANG

9:05 AM  
Anonymous Florence Nightingale said...

AMO-TE!!!

11:38 AM  
Blogger }}cleopatra{{ said...

Que lindo que é o Amor!!
Só ele consegue motivar as almas a escreverem assim... como tu!!

Beijo soprado

5:49 AM  
Anonymous Mel said...

Dança comigo gota de prata…
deixa que te enlaçe, te envolva
te abraçe ... deixa que sejamos
dois corpos unos, no ritmo de um tango

Mas deixa, deixa que o céu
nos envolva e nos devolva a esperança...
Façamos desta noite, a primeira
de uma longa noite, que esta inda é uma criança ...

Deixa que o céu nos cubra no seu eterno manto...
que as nuvens que nos beijem
num secreto olhar,
que sejamos corpos a vibrar
no acerto e no desconcerto
de notas gementes de guitarras
e no requebro de asas feridas
aninhadas na mansidão do verbo.

Vem, gota de prata ... avança...
E assim nos meus braços
Vejo o teu olhar adormecer,
E assim com a minha alma
Mostro a vontade de te querer.

Um contributo de Mel ... nas Brumas de Avalon!

Um abraço Jazz, e bom fim de semana!

6:44 AM  

Post a Comment

Subscribe to Post Comments [Atom]

<< Home